A seda preferida do Brasil está de cara nova - Bem Bolado Brasil
Onde encontrar

Blog

O que tem de novo na Bem Bolado?

A seda preferida do Brasil está de cara nova

A seda preferida do Brasil está de cara nova


Por Maurício Souza

Primeira linha de sedas da Bem Bolado ganha novo visual e está ainda mais brasileira

A seda preferida entre os fumadores de opinião está de cara nova. Sim, a Bem Bolado original – que faz cabeça da galera desde 2012, ano em que foi lançada – tomou um banho de loja e está ainda mais brasileira.

Como é possível?

Além do visu mais moderno e consonante com a brasilidade que corre nas veias da Bem Bolado, a seda original – que tem gramatura de 14 g/m² e combustão lenta – agora tem papel com marca d’água. Fora isso, o custo-benefício permanece o mesmo (ou seja, o melhor do mercado).

A nova embalagem alude a marcos arquitetônicos expressões culturais brasileiras. É o Brasil do boi-bumbá, do MASP, da folia de reis, do surfe, do Teatro Amazonas, da Pampulha, do skate, do Jardim Botânico. Ingredientes coloridos que compõem um país vasto, agora na mais brasileira das sedas.

O artista e o estúdio

Para reformular a embalagem, a Bem Bolado convocou o premiado ilustrador Daniel Moreno, do Estudiorama. Moreno começou sua carreira em 2000 e já passou por agências como AlmapBBDO e Carillo Pastore.

“A agência de publicidade foi minha escola, sempre gostei de desenhar e cheguei a fazer alguns cursos de desenho, mas foi o dia a dia da agência que me formou”, diz.

Em 2011, ao lado de Júnior Cortizo e Elaine Farias, montou o Estudiorama, um estúdio de ilustração voltado ao mercado publicitário.

“Aprendi com muita gente, mas foi a partir dessa amizade e parceria com o Júnior Cortizo que meu trabalho cresceu e se expandiu. Os trabalhos mais importantes durante esses anos vieram daí”, revela o ilustrador. “O primeiro foi pra Havaianas Slim, em 2005, e ganhou vários prêmios nacionais e internacionais. Depois teve uma campanha para Aspirina:  ilustrações de mandalas supercomplexas e que também faturou vários prêmios. Foram muitos trabalhos legais ao longo desses anos (Masp, VW, GOL, Brahma, McDonald’s, Antárctica)”, conta.

  Alguns dos trabalhos premiados de Daniel Moreno (Fotos: arquivo/Daniel Moreno)

“Desde cedo, tive o privilégio de trabalhar em meio a pessoas muito criativas. Em suma, isso me inspirou e ensinou bastante. Elas foram me apresentando vários artistas e técnicas de desenho e linguagens visuais diferentes (tanto manuais como digitais), me mostraram maneiras diferentes de pensar pra se chegar a um resultado além do convencional”, explica.

A ilustração

“A marca já tem como característica toda essa linguagem pop, colorida e divertida”, diz. “Isso já combinava muito com o trabalho que a gente gosta de fazer aqui no estúdio. O pessoal da Bem Bolado nos deu liberdade total para soltar a mão na ilustração.”

Como foi o processo criativo? “Estudamos a estética da Bem Bolado e fizemos uma releitura dos elementos dos diversos ícones das cidades brasileiras. Queríamos uma interação leve e fluída”, afirma Moreno. “A grande quantidade de elementos na pequena área da embalagem, característica da marca, casa muito com nossas ilustrações. Criamos uma unidade entre os diversos temas, passando a sensação de fluidez como se flutuassem no ar”.